A importância da presença online para uma empresa é incontornável e, apesar de poderem ser trabalhadas outras plataformas, como as redes sociais, quando uma empresa não possui website, fica sempre a sensação da a empresa estar ainda há pouco tempo no mercado, ou então não ter grande magnitude.

A criação de um website é fundamental para qualquer empresa, marca ou negócio. Trata-se da forma mais económica e eficaz de comunicar com o público, estando o website “aberto” 24 horas por dia, sempre disponível para que qualquer pessoa contacte e obtenha informações, a qualquer hora e em qualquer lugar.

Mas qual é o custo de fazer um website?

Qualquer empresa da área dirá que isso depende de muitos fatores, e está correta, no entanto depois de ler este artigo irá compreender quais são esses fatores e ficará consciente de quanto custa fazer um website.

Nome do Domínio

A primeira coisa a fazer quando se quer criar um website é escolher o “domínio”.

  • Na maioria das vezes a escolha inicial irá recair no nome da empresa/marca, ou seja, se a minha empresa se chama, por exemplo, “Bag Up” provavelmente gostaríamos que o domínio fosse www.bagup.pt ou www.bagup.com. Neste caso, tendo em conta que se tratam de novos domínios, os valores poderão rondar entre os 8 e os 30 € por ano, dependendo da entidade que detém o registo e da TLD (Top-Level Domain - .com, .org, .pt, etc).

  • Quando pretende um domínio envelhecido (“Aged Domains”) os valores poderão subir exponencialmente às centenas, milhares ou até milhões de €. Dependendo do número de anos que tem desde que foi criado na web, e do número de keywords associadas, um domínio como www.seo.com ou www.beer.com pode ter preços record como, por exemplo, www.hotels.com que foi vendido por mais 10.000.000€.

Alojamento (Web Hosting)

Todos os websites precisam de ficar alojados num servidor. Muitas vezes as soluções de webdesign e/ou programação disponibilizam alojamento mas normalmente tem um custo adicional.

  • A utilização de um servidor partilhado é a opção mais económica para alojamento de um website, no entanto apresenta algumas limitações. Imaginemos que um servidor partilhado é um edifício, o seu website tem direito a um “apartamento” com uma morada e um espaço, no entanto está consignado às limitações que lhe forem impostas. Este tipo de soluções está disponível a partir de, pouco mais de 3€ por mês.

  • No caso de pretender maior controlo poderá optar por uma solução de servidor virtual privado (Virtual Private Service - VPS) em que o servidor também é partilhado e o cliente tem um apartamento, mas pode fazer o que quiser com ele. Nesse caso os custos sobem para valores a partir dos 25€ por mês.

  • A opção por um servidor dedicado é a solução ideal para sites com elevado tráfego e necessitam de segurança acrescida. Isto permite controlo total e o cliente não tem apenas um apartamento, mas todo um edifício podendo decidir quais os software que pretende e até os sites que pretende alojar. Como consequência, um servidor dedicado é a solução que exige maior investimento, a partir de cerca de 90€ por mês, mas também é aquela que permite controlo total do servidor.

[img]http://asset.youoncdn.com/26d182415586827dc0b898d7b73b788e/64e4cbd5a0a8b62283f36bc300f87496.jpg[/img]

 

Design, Conteúdos e Desenvolvimento

Para variar, também neste aspeto, os custos dependem muito do resultado final esperado.

  • Design - Logo neste primeiro ponto podemos identificar a carga de trabalho de design que é necessária. Se optar por utilizar um template básico já existente, é possível consegui-los gratuitamente ou por valores até aos 200€, no entanto nunca será um design adaptado ao seu negócio e é extremamente limitativo em termos de criação de novas páginas. Se optar por um design à medida as potencialidades crescem exponencialmente e conseguirá um impacto muito maior. Um design à medida permite liberdade total para criação de novas páginas e criar uma experiência de visita totalmente diferenciadora. Para além destes pontos, levantar-se-ão sempre questões acerca das imagens necessárias: já existem imagens que o designer pode utilizar ou é necessário recorrer a imagens de stock? Caso seja a última opção cada imagem terá um valor de cerca 12€ a 20€ ou, em alguns casos, ainda mais.

  • Conteúdos - Passamos agora para os conteúdos dos site, propriamente ditos, e torna-se necessário levantar algumas questões

    • Quantas páginas de conteúdo necessitará o seu website?

    • Criará os seus próprios conteúdos ou prefere contratar alguém especializado, como um copywritter?

    • Sente-se com tempo e disponibilidade e capacidade para gerir todos os conteúdos?

A qualidade dos conteúdos dependerá da qualidade e rigor do trabalho do responsável e isso repercute-se nos valores a aplicar. Se por um lado pode haver freelancers que cobram 1€ por página de conteúdo, uma agência especializada poderá cobrar cerca de 100€.

  • Programação - Se os custos podem variar em todos os pontos anteriores, a nível de programação a regra mantém-se. Será que necessita apenas de uma landing page com um formulário para recolha de dados? O website do seu negócio irá incluir um fórum ou um blog? Será necessária uma área para utilizadores registados? o seu website irá disponibilizar conteúdos dinâmicos que vão sendo atualizados, manual ou automaticamente? O seu website irá fornecer conteúdos personalizados ao utilizador, com base na suas pesquisas anteriores por exemplo? O seu website necessitará de uma loja online? Respondendo a estas questões e excluindo aspetos como atualizações futuras e a manutenção do website, os valores poderão situar-se entre os 200€ e os 10.000€ ou mais.

Agende uma reunião connosco, diga-nos em que fase do projeto se encontra e obtenha uma melhor proposta do que necessita. Saiba quanto custa o que pretende sem compromisso!

head-quanto-custa-fazer-um-website.jpg